Geral

Uma boa decisão

decisãoOntem aconteceu a 3ª Corrida Adria Santos. Conforme falei no post de sexta, havia a dúvida em participar ou não da corrida. Correr despreparado até vai. Não é o ideal, mas acontece. Só que correr com algum tipo de dor incomum já não é legal. E o pé direito ainda incomodava. Quando escrevi o post, a ideia de não correr era a mais provável. Esperava mais por um milagre do que por qualquer evolução natural. A dor estava diminuindo e sinto que fiz a decisão certa ao optar por não correr.

Hoje a dor está quase sumindo e talvez terça ou quarta eu consiga trotar alguns minutos. Estou esperando ficar bom 100% para me arriscar novamente. Acredito que tenha sido uma das poucas vezes que tomei uma decisão sensata. Apesar de gostar de correr, domingo não era dia de forçar o que não precisava. Não podia pagar para ver o que acontecia. Preferi ficar só fazendo fotos e vídeos. Foi melhor assim. Aliás, se vocês quiserem ver, tem um vídeo do início na prova lá no YouTube.

O dia estava frio e com chuva. Nada propício para sair de casa às 3h30 da manhã rumo a Joinville. Fui mais pelos amigos do que pela corrida em si. Com o tempo do jeito que estava, pensei algumas vezes em não ir. Chegando lá, a chuva, que esteve bem forte, parou e ficou só o frio. Bem frio, aliás. Porém, sem chuva, o que não dificultou tanto a minha vida. A prova tinha percurso de 5 e 10 km e, como previsto e esperado, as duas provas tiveram metros a menos.

Depois da corrida, tivemos que aguardar a premiação de alguns amigos que ganharam troféus na categoria e voltamos. Não sem antes passar no Sinuelo para aquele super almoço que, vamos falar a verdade, era um dos principais motivos da viagem. Todos bem alimentados e continuamos a volta até chegar em casa. Botei o sono em dia e hoje dormi até as 10 horas.

O que fica disso tudo é que não me precipitei em voltar a correr antes do tempo, como aconteceu ainda este ano, logo depois das primeiras dores no pé esquerdo. Pareceu a decisão mais prudente. Pelos sinais do corpo, foi a melhor escolha. Não correr é ruim, mas correr com dor é ainda pior. Como, por enquanto, o próximo objetivo é só em novembro, não existe pressa. Acredito que junho será mais de recuperação e, se tudo sair como espero, em julho os treinos voltam mais constantes.

Para saber como foi a 3ª Corrida Adria Santos, recomendo que vocês fiquem atentos ao blog do Eduardo Hanada. Ele participou da prova (que novidade, né?) e tenho certeza que fará um relato completo do dia de ontem.

Vídeo da largada:

(Visited 69 times, 1 visits today)
Enio Augusto
Começou a correr em 2008. Não estava acima do peso, mas descobriu que gostava de correr. Parecia simples e fácil. Corre mais por teimosia do que por algum talento natural. Sonha em correr mais rápido e acha que um dia vai chegar lá.
http://porfalaremcorrida.com/blogdoenio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *