Blog do Enio

Treino de segunda

Domingo, com certa surpresa, recebi a planilha com um treino já na segunda. Achei que teria que correr só na terça, mas estava lá: treino de corrida na segunda. E não era nada muito complicado, mas geralmente me preparo psicologicamente para correr na terça.

O treino previa aquecimento e 4 repetições de 6 minutos. Como pedia em Z2, não tinha tanta preocupação em correr rápido. Seria algo mais confortável. Por outro lado, meu objetivo pessoal era pelo menos fazer o ritmo abaixo de 5:30, para me testar e ver como estavam as coisas.

Olhei a previsão do tempo, analisei a vontade de dormir e decidi que faria este treino à tarde. Tem a parte ruim de correr depois do almoço e perder uma parte do dia, mas o clima sem chuva e sol não era dos piores para correr. Tinha um pouco de vento e optei por não ir para a Beira Mar. Este é o problema dos treinos à tarde. Quase sempre tem mais vento do que logo cedo.

Fui pelas ruas da cidade aquecendo. Tentei buscar algumas ruas menos movimentadas e fui testando qual lado tinha mais e menos vento. Correr em ritmo mais rápido tendo que desviar dos carros é um bom teste de concentração. Tem que tentar manter a velocidade e evitar acidentes. Os carros aparecem de repente e nunca é bom confiar nos motoristas.

Felizmente, nenhum problema grande aconteceu. As piores coisas foram ter que em algumas esquinas ter que fazer um U em vez de passar reto por causa dos carros esperando para atravessar. Correndo nas ruas, o vento não me incomodou tanto. Consegui fazer as repetições no ritmo desejado e progressivamente.

A primeira saiu em 5:28, a segunda em 5:22, a terceira em 5:14 e a quarta em 5:08. Minha ideia era realmente fazer progressivo, baseado no ritmo da primeira repetição. Só queria fazer abaixo de 5:30 e dali em diante ver o que era possível. Gostei do resultado final. Na última repetição só estava com as panturrilhas começando a cansar. Contando que corri duas vezes no sábado, o treino de segunda rendeu bem. Espero que o próximo de quinta-feira continue assim.

(Visited 16 times, 1 visits today)
Enio Augusto
Começou a correr em 2008. Não estava acima do peso, mas descobriu que gostava de correr. Parecia simples e fácil. Corre mais por teimosia do que por algum talento natural. Sonha em correr mais rápido e acha que um dia vai chegar lá.
http://porfalaremcorrida.com/blogdoenio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *