Dicas

Dicas para correr com seu cachorro

Correr com seu cachorro pode ser um desastre se ele se comporta como uma criança de 2 anos hiperativa. A obediência é muito importante e pode fazer da corrida com seu cachorro uma experiência positiva. Para quem está pensando em correr com seu amigo de quatro patas, seguem dicas para que aconteça da melhor maneira.

  • É importante que o cachorro saiba em qual lado deve correr. Permitir que o cachorro tome a decisão vai fazê-lo pensar que quem está no comando é ele. Se você tiver um daqueles cachorros grandes e fortes, o resultado pode ser você ser puxado durante a corrida para qualquer direção. Ensine o seu cachorro a correr do seu lado, no lado que você determinar e seja consistente, faça disso uma rotina. Deve-se tomar cuidado também para não correr muito rápido, para o cachorro não ser puxado pelo pescoço.
  • O ideal é uma coleira que seja confortável tanto para o cachorro quanto para o dono (a frase é ambígua, mas não, o dono não precisa usar coleira. A menos que queira). Existem coleiras em que o comprimento é facilmente ajustável. Também há coleiras de corda, que são duráveis e fáceis de envolver em torno da mão.
  • Você pode correr com seu cachorro em trilhas, praças, parques ou estradas. Trilhas são uma opção para o cachorro explorar, mas ele pode se distrair por causa de outros animais. Parques e praças são uma boa opção, mas esteja certo de que seu cachorro saberá se comportar com outras pessoas e animais em volta. Estradas são boas para correr bastante, mas o ideal são, obviamente, estradas sem muito trânsito e o cachorro deve ficar longe dos carros. Os cachorros não são todos iguais e deve-se descobrir qual é a melhor opção.
  • Devemos lembrar que o cachorro deve conhecer as regras da estrada. Então, deve-se ensiná-los a seguir as mesmas regras que os humanos, na medida do possível. A perfeição se atinge quando você para em um cruzamento ou em um sinal vermelho e o cachorro para e se senta. Assim como quando corremos sozinho, devemos correr na direção contrária ao trânsito.
  • É um tanto óbvio, mas importante não esquecer. Saiba dos limites que você tem quando corre com um cachorro. Talvez o cachorro não esteja preparado para correr tão rápido quanto você. Talvez ocorra o contrário e você não aguente 100 metros na velocidade dele. Talvez um recorde pessoal de 1 km com cachorro, mas não transforme um momento de lazer em competição. A corrida deve ser agradável para ambos.

Você tem alguma outra regra que segue quando está correndo com seu cachorro?

Via RunHaven

Tem também uma matéria bem legal no site da Runner’s World Brasil

(Visited 198 times, 1 visits today)
Por Falar em Correr
Podcast sobre corridas de rua.
http://porfalaremcorrer.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *