Teste de 5 km


Muitos corredores fazem ou costumam fazer aquele famoso teste de 3 km, para a partir dali definir os ritmos adequado para cada tipo de treino. Nesse treino, o objetivo é correr o mais forte possível, com velocidade de tiro curto, mas por 3 km. Busquei nas minhas memórias e não me recordo de ter feito este teste de fato. Quando treinei com assessoria nunca pediram e quando treinei por conta própria nunca lembrei de fazer.

Continuo sem fazer o teste e não sei bem quando vou ter vontade de fazer, mas este ano tentei algo parecido. Como voltei aos treinos em janeiro, aumentando quilometragem e distância aos poucos e tentando aumentar a velocidade, resolvi ver qual seria o resultado correndo mais forte por mais tempo. Os intervalados que tenho feito são repetições de no máximo 2 km e geralmente ficam abaixo de 1 km. Como 3 km achei pouco e as corridas costumam ter 5 km como menor distância, foi fácil escolher quanto correr.

Claro que esta curiosidade pelo resultado tinha a ver com uma corrida futura. Estava inscrito para participar dos 5 km da Meia de São José, mas não deu muito certo. Viagem para Vitória e tal. Antes de me dar conta de que não ia conseguir correr, estava tentando me preparar para buscar um sub 25. Então, há pouco mais de um mês para a prova, no dia 11/02, um sábado, fiz o teste de 5 km. Aqueci 3 km e fiz os 5 km em 26:45, ritmo médio de 5:21. Longe, longe do que gostaria, mas foi bom para ter uma referência.

Segui os treinos, com rodagens, longos e intervalados buscando uma preparação razoável. Foi aí que vi que a viagem e a corrida seriam no mesmo fim de semana. O que eu fiz? Decidi me testar de novo nos 5 km. Já que não iria conseguir fazer isso na Meia de São José, fiz no treino de sexta antes da viagem, dia 10/03. Foram 2 km de aquecimento e 5 km em 25:40, ritmo médio de 5:08. Ainda não era o sub 25 desejado, mas melhorou em relação a fevereiro.

Só que treino é treino, né? Parece que mesmo que a gente se mate e faça muita força, o resultado é sempre mais lento do que em uma corrida. Quando fiz este último teste de 5 km não lembrava do de fevereiro e nem que o espaço entre eles era de um mês. O que vocês acham que vou querer fazer ali pelo meio de abril? Sim! Outro teste desse. Uma curiosidade que descobri depois é que fiz um teste parecido e nem me lembrava dele também. Foi em 13/03/2016 e fiz 5 km em 24:56, ritmo médio de 4:59. Estou em busca desse sub 25. Quando sair no treino é sinal de que na corrida devo conseguir sem muitos problemas.

(Visited 121 times, 1 visits today)

Sobre Enio Augusto

Começou a correr em 2008. Não estava acima do peso, mas descobriu que gostava de correr. Parecia simples e fácil. Corre mais por teimosia do que por algum talento natural. Sonha em correr mais rápido e acha que um dia vai chegar lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *