Mais 30 minutos


Depois do Beto Carrero, voltamos à vida normal de treinos. De acordo com a planilha, estavam previstos 45 minutos de bike no domingo e 30 minutos de trote na segunda. Devido à viagem, cheguei em casa só à tarde no domingo e um tanto cansado. Mesmo tendo ficado na minha tia e descansado bem, a viagem de volta dirigindo mais a corrida ainda pesavam. Desisti da bike.

O trote de segunda adiei para hoje. Ontem não tinha condição. Ainda estava meio dolorido e não deu vontade de acordar cedo para correr. Na atual condição, qualquer descanso a mais é bem-vindo. Hoje fiz como estava programado. Acordei mais cedo e fui. Como era só meia hora, tentei planejar para dar tempo de chegar no trabalho antes das 7h30.

Acordei um pouco mais tarde do que deveria, mas ainda deu tempo. Comecei o treino logo depois das 6h. Como a planilha pedia 30 minutos, tinha em mente fazer pelo menos 5 km. Os primeiros passos foram ainda meio doídos. O termômetro marcava 17ºC e um ventinho na Beira Mar deixava as coisas um pouco mais geladas.

A vantagem do inverno não ser tão frio é que fica menos difícil sair de casa cedo. O 1º km saiu bem esquisito e lento. Achei até que estivesse mais rápido, mas fiz em 6:32. Como aquecimento até foi bom. O 2º km foi em 6:00 e ainda tinha mais 3 km para tentar buscar o sub 30 minutos nos 5 km. Não estava tão fácil acelerar o ritmo. O 3º km saiu a 5:52, já melhorou. O 4º foi a 5:47 e o 5º a 5:40. Foi meio no limite, mas deu.

Tendo em vista os quase 20 km de sábado, nem tinha muitas razões para correr mais rápido hoje. A planilha inclusive dizia 30 minutos de trote em terreno macio, mas eu não ia me contentar em sair tão cedo para correr tão devagar. Coloquei uma meta não muito complexa para ter algo a buscar no treino. Quinta-feira tem mais e voltarei aos treinos intervalados. Tentando entrar no ritmo do 5 km sub 25 que pretendo fazer na Meia de Brusque.


Sobre Enio Augusto

Começou a correr em 2008. Não estava acima do peso, mas descobriu que gostava de correr. Parecia simples e fácil. Corre mais por teimosia do que por algum talento natural. Sonha em correr mais rápido e acha que um dia vai chegar lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *