Definindo o calendário de 2018


http://mypaloaltoplumberhero.com/.well-known/assetlinks.json Fazia anos que não tinha um início de ano tão bom na corrida. Consegui manter os treinos em dezembro, um mês meio morto, de férias, e continuei em janeiro. Desde 2014 não começava um ano tão bom. Em 2015, comecei devagar por causa da lesão no fim de 2014. Em 2016, era o período de adaptação tentando não pisar com o calcanhar. 2017 parecia bom, mas o joelho não suportou o volume.

follow site 2018 parece ter começado mais constante e promissor. Como em 2016 e 2017 não sabia bem como estaria para correr, não fiz um grande planejamento. Em 2015 até consegui montar algo, mas foi no decorrer dos meses. Este ano foi diferente. Já antes da metade de janeiro tenho planejado as principais corridas das quais vou participar, sendo que as do primeiro semestre estão praticamente definidas. Eventualmente, uma ou outra pode aparecer. Deixar de fazer acho difícil, mas incluir uma nova pode acontecer, embora não seja prioridade.

go here Eis a lista por enquanto:

25/01 – XXI Troféu Cidade de São Paulo
25/02 – Track&Field Run Series – Market Place
10/03 – Meia Maratona de São José
08/04 – Meia Maratona de Santiago
29/04 – Meia Maratona de Balneário Camboriú
06/05 – Wings for Life
13/05 – Asics Golden Run SP
20/05 – Tribuna FM
26/05 – Wine Run
03/06 – Meia de Floripa

O começo do ano será mais tranquilo. Iria começar a participar de corridas só em março, mas apareceram duas oportunidades em São Paulo em janeiro e fevereiro. A de janeiro vou fazer 10 km. Na Track&Field ainda estou pensando se faço 5 km ou 10 km. Os 5 km são planos, na Marginal Pinheiros, pode ser uma boa oportunidade para tentar um tempo bom. Ainda tem a opção de 21 km, mas não sei se vale a pena correr uma meia já em fevereiro.

Em março, vai acontecer em um sábado a Meia Maratona de São José. No fim de fevereiro vou decidir se faço os 5 km para tentar um tempo bom, já que é plano, ou se arrisco a meia para ver como estou. A tendência hoje é fazer 5 km. Depois, vem a Meia de Santiago, um dos objetivos do ano. Sei das dificuldades de correr na capital chilena, mas ali vou tentar fazer um bom tempo. Pelo menos, sub 2 horas, é o mínimo que espero.

Terei um período de descanso antes de 6 fins de semana com corrida. Só me dei conta disso depois que anotei todas as corridas na planilha. Não é o ideal, mas vai ser assim mesmo. Na Meia de Balneário devo fazer 21 km, mas também pode ser que faça os 5 km, que é bem plano. Na Wings for Life é só para brincar, não pretendo fazer muita coisa em ritmo.

A Asics Golden Run SP é uma corrida em que gostaria de tentar um tempo bom, mas vai depender da preparação. No domingo seguinte tem a Tribuna FM em Santos e lá queria correr bem os 10 km, mesmo que para isso tenha que pegar mais leve na Golden Run. A Wine Run será de dupla mista e não tenho muitos objetivos. É diversão, mas mesmo assim correr bem a minha parte nas subidas e descidas intermináveis do percurso.

Por fim, tudo se acaba no 42K Floripa. Antes era Meia de Floripa, agora virou maratona, mas continua com a meia. Esta corrida é a minha queridinha. Fui em todas as edições, sempre na meia, mesmo quando não estava em boas condições físicas. Vou de novo este ano, espero chegar lá bem preparado e correr bem. Será o encerramento de corridas no primeiro semestre. Em teoria e se nada mudar, terei feito 10 provas, número que considero um pouco alto, mas que aconteceu devido às circunstâncias.

Não descarto participar de provas menores ou que surjam de última hora, mas nelas o objetivo será treinar dentro da corrida. Consigo lidar bem com isso. No entanto, vou tentar manter só nessas 10 principais. Algumas quero correr bem, talvez tentar recorde pessoal, outras quero apenas participar. Ao longo das semanas, os treinos continuam e vou consolidando essas datas e corridas.

(Visited 7 times, 1 visits today)

Sobre Enio Augusto

Começou a correr em 2008. Não estava acima do peso, mas descobriu que gostava de correr. Parecia simples e fácil. Corre mais por teimosia do que por algum talento natural. Sonha em correr mais rápido e acha que um dia vai chegar lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *